Itaúna, 20 de julho de 2018

Cadastro

12 de maio de 2018 às 08h00 - Atualizado: 12 de maio de 2018 às 09h57

Uma vida dedicada à Educação

Narrada pelos olhos de seu filho, biografia de Dona Graciana registra trajetória profissional e pessoal da educadora que implantou o ensino infantil em Itaúna

“Gratas recordações de minha vida profissional. Meus filhos, vejam como fui feliz no magistério! G. C. Miranda”. São essas as palavras escritas por Dona Graciana Coura de Miranda em um bilhete, atado a uma caixa de sapatos, amarrada com um barbante. A caixa, assim como livros e outros materiais, foi deixada sob os cuidados de seu filho José Silvério Vasconcelos de Miranda, que só conheceu seu conteúdo anos depois da morte da mãe, ocorrida em 6 de dezembro de 1997, aos 83 anos.
Depois de conferir o que havia na caixa, José Silvério teve a ideia e o desejo de fazer algo em homenagem à mãe, e decidiu contar sua história no magistério e na pedagogia, que tanto lhe deram orgulho. Dentro da caixa, as mais diversas recordações dos tempos em que Dona Graciana lecionou e esteve à frente da Educação Infantil. A educadora chegou a Itaúna em 1951, trabalhou inicialmente na Escola Souza Moreira, em Santanense, e contribuiu significativamente para a implantação da Educação Infantil na cidade, com a criação da Escola Ana Cintra, em 1956, da qual ficou à frente. Dona Graciana também atuou como professora de Didática Teórica e Prática na antiga Escola Normal de Itaúna por 25 anos.
A biografia, que será lançada no dia 26 de maio, às 20h, em uma noite de autógrafos no hall do Espaço Cultural, conta como foi a vida de Dona Graciana desde o seu nascimento, passando pelo casamento, estudo em meio ao nascimento dos filhos, mudanças de cidade pela necessidade da profissão e o seu trabalho por todas as instituições por onde passou, sempre à frente de seu tempo e realizando mudanças que incomodavam pela inovação.
O evento é aberto ao público e faz parte da Jornada da Educação Infantil, que acontece no Teatro Sílvio de Matos, das 14 às 18h15, no mesmo dia. A programação, planejada e organizada pelos familiares de Dona Graciana, terá palestras gratuitas voltadas para a formação dos educadores da educação infantil, e não haverá inscrições prévias.