Itaúna, 24 de outubro de 2017

Cadastro

10 de outubro de 2017 às 16h00 - Atualizado: 21 de outubro de 2017 às 10h10

Presa quadrilha que furtava pneus em comércio

Criminosos agiam em conjunto e objetos furtados eram revendidos em uma borracharia em Carmo do Cajuru

Na manhã da última segunda-feira, 9, a equipe da Polícia Civil de Itaúna, em conjunto com os delegados de Pará de Minas e Carmo do Cajuru, prenderam quatro homens suspeitos de um esquema criminoso de furto de pneus envolvendo tráfico de drogas no município. Segundo o delegado Diego Lopes, os pneus eram furtados em um estabelecimento comercial no município e revendidos em uma borracharia de Carmo do Cajuru.

De acordo com a Polícia, Vander Nogueira dos Santos, de 49 anos, Plínio Marcus da Silva Andrade, de 39 anos, e Josimar Santos Batista, conhecido como “Maroca”, de 32 anos, foram presos por associação criminosa, tráfico de drogas, furto qualificado e receptação, já Antônio Rabelo de Morais, de 40 anos, vai responder em liberdade após ter pagado uma fiança de mil reais e por não ter sido autuado como participante direto na ação criminosa, e vai responder apenas por receptação, já que foram encontrados quatro pneus em sua residência.

As investigações começaram há cerca de duas semanas, quando em uma noite a Polícia Militar prendeu Plínio em flagrante após pular um muro e subtrair quatro pneus de um estabelecimento na cidade. Os furtos aconteciam através de uma “pescagem” dos pneus na loja. Plínio utilizava ferramentas especificas para exercer o crime. Com as investigações, foi constatado que Plínio praticava os crimes a mando de Josimar, que comprava os pneus pagando-o com pedras de crack. Diante das informações, Josimar confessou ter vendido grande parte dos pneus ao empresário Vander, que é proprietário de uma borracharia em Carmo do Cajuru. O delegado informou que no total foram cerca de 30 pneus furtados, sendo que 25 deles foram recuperados.

Ainda segundo a Polícia Civil, Josimar já possui passagens por tráfico de drogas, homicídio e uso de documento falso; Plínio por furto; e Vander por lesão corporal. Os presos foram encaminhados para o presídio do município.

PC organiza segmento para combater organizações criminosas

De acordo com o delegado Jorge, como os crimes organizados estão muito presentes na cidade, “será organizado um segmento da Polícia Civil que vai combater diretamente esse tipo de crime, de uma forma bem organizada, fazendo levantamentos aprofundados sobre as organizações criminosas e a partir daí, tirar pouco a pouco as pessoas dessa organização e dar uma paz duradoura para a sociedade itaunense”, afirmou. Segundo ele, será montado uma delegacia de operações policiais a comando do delegado Diego pra combater a atividade criminosa que tem trazido grandes danos à população.

GALERIA DE FOTOS