Itaúna, 25 de maio de 2019

Cadastro

11 de maio de 2019 às 07h00 - Atualizado: 18 de maio de 2019 às 11h03

AUMENTO

Gás já custa R$ 80 sem o reajuste

Petrobrás elevou o preço do botijão de 13 quilos em 3,4% no domingo, 5. Aumento ainda não chegou aos consumidores

O botijão de gás de cozinha em Itaúna pode ser encontrado isto segundo levantamento feito na quarta-feira, 8 – nos preços de R$ 63 a R$ 80, dependendo do revendedor e até a marca distribuidora do produto.
Conforme apurou a reportagem, os preços ainda não haviam sido alterados após o reajuste concedido pela Petrobrás a partir do domingo, 5. Este aumento, no percentual de 3,4%, foi concedido às distribuidoras e ainda não chegou ao consumidor em Itaúna, conforme um dos revendedores.
Na rápida pesquisa de preços feita pela reportagem, os preços informados foram os seguintes: Gás Santo Antônio – R$ 63 para pegar no depósito e R$ 70 para entregar em casa; Gás Ita – R$ 75 no depósito e R$ 78, em casa; Progás – R$ 75 no depósito e R$ 78, em casa (nas quartas-feiras a empresa faz promoção e vende o gás a R$ 65, no depósito); Gásminas R$ 75 no depósito e R$ 78 para entregar; e Garcias Gás – R$ 80 tanto no depósito quanto entregue na residência.
A expectativa é de que, com o repasse do aumento das distribuidoras ao consumidor final, o preço do botijão de gás de 13 quilos chegue a R$ 85, com o menor valor por volta de R$ 70.