Itaúna, 21 de setembro de 2017

Cadastro

26 de agosto de 2017 às 07h00 - Atualizado: 02 de setembro de 2017 às 10h49

Carta na manga “Só pode ser um Zap”

O governo de Neider Moreira chega ao 9º mês na próxima semana, e o que estamos ouvindo nas ruas são críticas e mais críticas que já atingem toda a camada da comunidade Itaunense. Os comentários são os mais diversos e nos levam a concluir que há uma insatisfação quase que geral, pelo fato de o prefeito não ter conseguido fazer com que o seu governo efetivamente tenha começado. As opiniões e conclusões das pessoas são de que nada funciona e o mais grave, a credibilidade do prefeito, ou melhor, do político Neider Moreira, anda baixa, pois em todos os comentários a afirmativa é a de que ele não está cumprindo com o que prometeu e com o que propôs em sua campanha. Assim, há um sentimento de traição, o que é muito ruim.
Temos buscado ouvir e até ponderar que há de se dar um tempo ao prefeito, pois oito meses ainda é pouco tempo para uma avaliação conclusiva, mas ao mesmo tempo, quando paramos para refletir sobre os atos diários do chefe do Executivo, acabamos concordando com a maioria das pessoas. Fica a pergunta: o que está acontecendo com o Neider? Não conseguimos ainda uma resposta, o que nos leva a fazer ponderações, como a escolha da equipe de governo, que consideramos muito fraca, e que pode estar sendo a responsável pela avaliação péssima do governo por parte da população, que esperava um governo dinâmico, com atitudes e com clareza no desempenho. A cidade não viu essa postura e ainda tem que conviver com desculpas, apatia e mentiras. Ontem por exemplo, a assessoria do prefeito, fez veicular releases sobre o encontro de Neider com o governador Pimentel, na quinta-feira, dia 24, e todos os releases tratam de assuntos que há pelo menos 10 anos são discutidos nas esferas municipal e estadual e são objetos de releases e notícias na imprensa local, sem um desfecho positivo.
Os quatro releases distribuídos por Neider à imprensa local trata da elevação da Polícia Militar a Batalhão; da transformação da delegacia em Regional, com a construção de uma nova sede para Polícia Civil; a construção do trevo do Morro do Engenho, na MG 431 e a construção do presídio. Mas se a população Itaunense mais atenta observar, esses assuntos fazem parte da pauta do político Neider Moreira há mais de 10 anos. E muitos foram os releases redigidos pela sua assessoria ou por nós mesmos, e publicados aqui na FOLHA, enquanto o mesmo era deputado. Mas a verdade é que nenhuma das propostas divulgadas insistentemente saiu do papel, mesmo sendo Neider deputado e aliado dos governadores de outrora.
Agora, depois de 8 meses de mandato como prefeito, ele repete o mesmo estilo, e divulga que a construção do presídio volta à pauta do governo do Estado; que reforçou junto ao governador a importância de se construir o trevo na MG 431; que Itaúna já tem pronto o projeto do novo prédio para a Polícia Civil; que a nossa Polícia Militar precisa ir a Batalhão... Sinceramente Dr. Neider Moreira, a cidade ouve, lê e espera essas benfeitorias tem mais de 10 anos, vossa excelência já divulgou isso por muitas vezes e nada saiu do papel, como continuará a não sair, pois sabemos que temos um governo estadual falido e com muitos compromissos Estado a fora. E sem representante na Assembleia e com um prefeito que não tem compromisso com o partido do governador, do PT (ou tem?), Itaúna não vai emplacar os pedidos e o Doutor prefeito sabe muito bem disso. Então, a propaganda continua enganosa, porém, o itaunense que deu uma vitória esmagadora ao Neider, já descobriu isso. É lamentável, mas continuamos sem enxergar uma luz no fim do túnel. Itaúna não dá mesmo sorte. Mas ainda acho que o meu amigo Neider, tem uma “carta na manga”, e pelo andar da carruagem, só pode ser um 4 de paus, o Zap, também chamada de gato, porque se não for...