Itaúna, 18 de março de 2019

Cadastro

12 de janeiro de 2019 às 07h00 - Atualizado: 26 de janeiro de 2019 às 09h58

Coluna do Cruzeiro

As coisas esquentaram de vez no Cruzeiro esta semana, principalmente por causa da saída do Arrascaeta. Sinceramente, achei que no final das contas tudo terminou bem, apesar da postura antiprofissional do Flamengo, do Arrascaeta e do seu agente. Todos os clubes negociam jogadores o tempo todo e isso é absolutamente normal, só não precisava ter sido da forma que foi, bastava o Flamengo ter chamado o Cruzeiro e o atleta para uma reunião e definido a situação, não precisava desse desgaste todo.
Como em toda venda de jogador, os valores da transação nunca são oficialmente revelados, nesta não foi diferente. Mas de acordo com a imprensa, o Cruzeiro vai receber cerca de 34 milhões de reais. E de acordo com as informações, o Cruzeiro vai utilizar pelo menos parte desse dinheiro para pagar as dívidas que estão em trâmite na FIFA. Tomara que realmente seja verdade, pois, afinal, nossos dirigentes têm que ter juízo, pois o Cruzeiro é eterno e não se pode pensar só no presente, é preciso ter responsabilidade.
Agora vamos ver em termo de contratação o que vai acontecer. Até agora apenas um lanterna foi contratado e dizem que o Rodriguinho, ex Corinthians, estaria vindo. Acho difícil, pois ele estava jogando no Egito e com certeza seu salário é altíssimo. Será que ele viria para ganhar bem menos? Outro que dizem estar de saída é o Mancuello, esse sinceramente não fará diferença, a não ser na folha salarial, o que dará mais um alívio e abrirá a possibilidade do Cruzeiro se reforçar um pouco mais. Em minha opinião, temos um time bom, mas se a diretoria conseguir alguns reforços, vai dar até para brigar por algum título. Saudações Celestes.

Colunas recentes de Toninho da Banca - Coluna do Cruzeiro

Nenhum resultado encontrado