Itaúna, 19 de novembro de 2017

Cadastro

11 de novembro de 2017 às 07h00 - Atualizado: 18 de novembro de 2017 às 10h00

Coluna do Cruzeiro

O Cruzeiro parece que “jogou a toalha” de vez. Domingo fez um jogo “morno” contra o Atlético Paranaense, mas pelo menos venceu com um gol bonito do arrascaeta; já contra o Flamengo, o time foi abaixo da crítica, perdeu e mereceu mesmo perder! Tanto é, que o Mano Menezes reconheceu a ineficiência da equipe e os jogadores também admitiram. Então, pensando sobre essa falta de vontade dos jogadores, que acham que por terem ganhado a Copa do Brasil não precisam mais se empenhar, o Mano deveria é aproveitar essa situação para avaliar o elenco. No Cruzeiro, vários jogadores não tiveram chances como o Messidoro, o Galhardo, o Nonoca e outros mais, afinal é importante que o Cruzeiro entre o ano com o elenco definido, pra ajeitar o time na pré-temporada e no Campeonato Mineiro, para aí, ter reais chances na Libertadores, que é o nosso maior objetivo no ano que vem!
Depois de um começo conturbado, a nova diretoria já está trabalhando a todo vapor e sinceramente, tenho gostado das atitudes tomadas até aqui. Eles renovaram o contrato do Mano Menezes, sem muita “novela” e até que enfim o nosso departamento médico está passando por reformulação, porque o Dr. Gilvam, apesar do Cruzeiro ser recordista mundial de jogadores machucados, nunca percebeu a incompetência dos nossos médicos. A nova diretoria já trouxe o médico Sérgio Campolina que estava no time de vôlei, ele irá assumir em janeiro, então temos que dar a ele um voto de confiança e torcer para que as coisas realmente mudem!
Amanhã, o Cruzeiro “pega” o Fluminense em casa. É bom que o time entre em campo com a mentalidade vencedora, afinal o torcedor que irá a campo não vai aceitar um time apático! Saudações Celestes.

Colunas recentes de Toninho da Banca - Coluna do Cruzeiro

Nenhum resultado encontrado