Itaúna, 19 de novembro de 2017

Cadastro

21 de outubro de 2017 às 07h00 - Atualizado: 04 de novembro de 2017 às 10h00

Coluna do Cruzeiro

O Cruzeiro não jogou esse último fim de semana. E é muito ruim um domingo sem jogo do Cruzeiro, parece que fica faltando alguma coisa, e fica mesmo! No meio da semana o Cruzeiro voltou a jogar e mal, e perdeu para o Coritiba. Foi uma ducha de água fria na torcida que por mais improvável que pareça, ainda tinha a esperança de ganhar o título de Campeão Brasileiro ainda esse ano, afinal o Cruzeiro só não está junto ou na frente do Corinthians porque perdeu pontos “bobos” para um monte de times fracos como: Chapecoense, Havaí, Vitória, e vai por aí... Além do fato do Corinthians estar caindo muito de produção, com uma sequência de umas três vitórias, estaríamos então brigando pelo título.
Até ontem cedo quando eu escrevia esta coluna, o Mano Menezes ainda não tinha renovado seu contrato. Sei que ninguém é insubstituível, mas para o momento que o Cruzeiro está vivendo ele é importante, afinal o Cruzeiro está garantido na Libertadores da América do ano que vem, então é muito importante que o Cruzeiro, desde o início da temporada, esteja com a comissão técnica e o plantel definidos, pois do contrário, teremos que formar uma equipe durante a competição, aí as chances de sermos campeões diminuem bastante. O Mano além de conhecer bem o time, o tem nas mãos, então facilita tudo.
Amanhã temos o clássico pela frente, e independente da fase que os clubes atravessam, não existe favorito, e ambas as equipes precisam ganhar o jogo. O Cruzeiro, mesmo não estando brigando pelo título, tem que honrar a camisa. E, além disso, quanto melhor for à colocação, maior será o prêmio em dinheiro que receberemos da CBF. Saudações Celestes!

Colunas recentes de Toninho da Banca - Coluna do Cruzeiro

Nenhum resultado encontrado