Itaúna, 23 de outubro de 2017

Cadastro

10 de junho de 2017 às 07h00 - Atualizado: 08 de julho de 2017 às 09h46

Coluna do Cruzeiro

Está deixando todo torcedor do Cruzeiro impressionado, a queda de produção do time. Poucas vezes na minha vida, vi o Cruzeiro jogar tão mal como jogou contra a Chapecoense. O Cruzeiro é um time que simplesmente não marca gol e se não marca, não ganha jogo. É simples assim. O fato é que o Cruzeiro tem um grande número de jogadores para o ataque e ainda contratou o Sassá, mas o problema é que ninguém chuta a gol, o time parece um “limpador de para brisas” que fica jogando a bola para o meio campo ou até mesmo para a defesa, mas raramente chuta para o gol, e quando chuta, chuta sem pontaria, com a bola passando longe das traves. É fato também, que o Cruzeiro tem vários atacantes que armam bem as jogadas, entre eles o Rafael Sobis, Rafael Marques, Tiago Neves, Arrascaeta, Elber e Alisson, além do lateral Diogo Barboza, mas entre esses, o finalizador mesmo é só o Ábila. Então, o Mano deveria armar um esquema com o Ábila jogando fixo dentro da área, e os meio-campistas e demais atacantes apenas o “abastecendo”, pois ele, mesmo não sendo titular, é o que mais tem marcado gols, até mesmo por causa das suas características. Com certeza, assim, as coisas melhorariam. Mas o Mano é quem é o treinador e ele tem a obrigação de resolver o problema e com urgência, pois a torcida já perdeu a paciência e não irá tolerar os maus resultados seguidamente. Outro fato que tem chamado à atenção é o enorme número de jogadores machucados, isso é sinal de que o nosso departamento médico está sendo incompetente e os preparadores físicos também. E para piorar, nosso presidente também é incompetente e não toma nenhuma providência, está muito difícil. Saudações Celestes!!! 

Colunas recentes de Toninho da Banca - Coluna do Cruzeiro

Nenhum resultado encontrado