Itaúna, 23 de outubro de 2017

Cadastro

11 de fevereiro de 2017 às 07h00 - Atualizado: 11 de março de 2017 às 07h59

Banda Esplendor e Glória

 “ABRA OS OLHOS E TAPE 

O NARIZ QUE A COISA 

VAI FEDER!!!!”    

 Com um tema atual e criativo, fazendo referência às delações da Lava Jato, bem como, a corrupção de um modo geral que anda solta no país, a Banda Esplendor e Glória, comandada pelo General Tadeu Nolasco abre o carnaval de Itaúna, na contramão da Jove Soares, a partir das 17h do dia 25, sábado de carnaval.

A concentração será no Bar do Jancen, na Praça João Ferreira a partir das 14hs. Com uma banda composta de 12 instrumentos de sopro e dezenas de percussão a Banda vai reviver os velhos carnavais, tocando marchinhas como “Mamãe eu Quero, Se a Canoa não Virar, Cabeleira do Zezé” e outras mais. Os Abadás com referência ao tema podem ser encontrados com a Marlene Amaral (3241-2190), no Bar do Jancen ou com o Tadeu Nolasco (99107-9871). Na segunda-feira, dia 27 a Banda volta a desfilar no mesmo horário. Imperdível!

BLOCO VEM QUE VEM

Desfilando pela primeira vez na Jove Soares o novo bloco é formado pelos integrantes da tradicional Banda “Comunidade Batuque”. Segundo o Fernando, uns dos líderes do grupo musical, todos os componentes da Banda como o Marcelo, Gustavo, Neiber, André e Vinícius estarão presentes no desfile. Como nos últimos dois anos o grupo formado por engenheiros, dentistas e outros profissionais liberais ficou mais em Itaúna, puderam acompanhar o crescimento do nosso carnaval e daí surgiu à ideia de formar o bloco. O nome escolhido, Vem que Vem, surgiu durante uma das reuniões do grupo e foi em função de uma das músicas de maior sucesso da Banda. Como eles já se apresentaram em Belo Horizonte, Abaeté, Espírito Santo e em diversas cidades no torno de Itaúna, uma das músicas mais solicitadas e cantadas era a “Vem que Vem”, que é uma composição do grupo. A banda desfila no sábado e na segunda-feira a bordo de um potente Trio Elétrico que deve arrastar mais de 1.000 foliões, que de acordo com Fernando, vai parar a Jove Soares, cantando músicas atuais, bem como, os sambas antológicos das Escolas de Samba Perdição, Pães, Zulus e Unidos da Ponte. Os Abadás podem ser encontrados na Rosvan Joias ou em uma das lojas Maria Maria. Nós da FOLHA vamos estar lá para conferir.

BLOCO VAI QUE COLA

 A ideia de criar um bloco surgiu logo após o carnaval de 2013. A princípio seria um projeto que envolvesse a imprensa local e o primeiro nome escolhido foi “A Imprensa que eu Gamo”. Porém por diversos motivos, a ideia ficou apenas no papel. Em julho de 2016 os amigos Leonardo Alves, o Léo da Rádio Clube e o Wilson Assis, o popular Kisuki, resolveram tirar da gaveta o projeto do novo bloco e a ideia inicial seria formar um bloco tocando músicas tradicionais do gênero Axé como as do Asa de Águia, Chiclete com Banana e Ivete Sangalo. Tudo isto em um Trio Elétrico com uma banda para animar os foliões. O nome surgiu de uma conversa entre o Léo e o Kisuki quando um virou para o outro e disse: vamos montar logo este bloco cara! Vai que cola, né! Neste momento surgiu mais um bloco para brincar na Jove Soares: o “Vai que Cola”. Como é o primeiro ano de desfile, eles esperam levar no mínimo 800 animados foliões para a avenida, puxados pelo Trio Elétrico. Segundo o Léo, outro diferencial é que o bloco será mais família, onde os pais podem levar os filhos sem se preocupar, pois haverá equipes de segurança e brigadistas. O Bloco desfila no domingo, 26 e na terça-feira, 28. Os Abadás poderão ser encontrados no Açaí Prime na Jove Soares, no Açaí do Padre Eustáquio e na Doce Gula. Nós da FOLHA vamos torcer pelo sucesso do “Vai que Cola”, né!

BLOCO VEM QUE É SHOW

É mais um bloco que vai fazer a sua estreia na Jovem Soares. Tudo começou quando vários componentes das baterias do Tomara que Caia, Conversa Comigo e Ziriguidum resolveram, numa roda de amigos que sempre andaram pelo certo, formar a família “Vem que é Show”. O Mauro, a Gabriela o João Paulo e o Duda, atuais diretores do Bloco, mesmo participando de outras baterias, durante o ano faziam parte de uma ala show que tocava em eventos, casamentos, formaturas e pré-carnavais e faziam o maior sucesso. Quando resolveram formar o bloco, o primeiro nome que veio para ficar foi “Vem Que é Show”, mais um bloco para animar o carnaval. De acordo com o Mauro, presidente do bloco, eles são apaixonados por música e vão levar muita alegria para a Jove Soares, onde devem arrastar mais de 1.000 foliões atrás do Trio Elétrico comandado pelo vocalista Clessinho no domingo, 26 e na terça, 28. Os ensaios da bateria estão sendo realizados às 2ª e 4ª a partir das 19h no estacionamento do Espaço Cultural e os Abadás podem ser adquiridos nas lojas Tibaia Store e na Moda Magia. Nós da FOLHA vamos estar na Avenida para acompanhar de perto o show de vocês.

Na edição do próximo sábado, 18, estaremos falando dos blocos: Allfaces, Ziriguidum, Deu no que Deu, Sertanejeiros e Tomara que Caia.

 

 

 

“ABRA OS OLHOS E TAPE O NARIZ QUE A COISA VAI FEDER!!!!”          Com um tema atual e criativo, fazendo referência às delações da Lava Jato, bem como, a corrupção de um modo geral que anda solta no país, a Banda Esplendor e Glória, comandada pelo General Tadeu Nolasco abre o carnaval de Itaúna, na contramão da Jove Soares, a partir das 17h do dia 25, sábado de carnaval.A concentração será no Bar do Jancen, na Praça João Ferreira a partir das 14hs. Com uma banda composta de 12 instrumentos de sopro e dezenas de percussão a Banda vai reviver os velhos carnavais, tocando marchinhas como “Mamãe eu Quero, Se a Canoa não Virar, Cabeleira do Zezé” e outras mais. Os Abadás com referência ao tema podem ser encontrados com a Marlene Amaral (3241-2190), no Bar do Jancen ou com o Tadeu Nolasco (99107-9871). Na segunda-feira, dia 27 a Banda volta a desfilar no mesmo horário. Imperdível!
BLOCO VEM QUE VEM
Desfilando pela primeira vez na Jove Soares o novo bloco é formado pelos integrantes da tradicional Banda “Comunidade Batuque”. Segundo o Fernando, uns dos líderes do grupo musical, todos os componentes da Banda como o Marcelo, Gustavo, Neiber, André e Vinícius estarão presentes no desfile. Como nos últimos dois anos o grupo formado por engenheiros, dentistas e outros profissionais liberais ficou mais em Itaúna, puderam acompanhar o crescimento do nosso carnaval e daí surgiu à ideia de formar o bloco. O nome escolhido, Vem que Vem, surgiu durante uma das reuniões do grupo e foi em função de uma das músicas de maior sucesso da Banda. Como eles já se apresentaram em Belo Horizonte, Abaeté, Espírito Santo e em diversas cidades no torno de Itaúna, uma das músicas mais solicitadas e cantadas era a “Vem que Vem”, que é uma composição do grupo. A banda desfila no sábado e na segunda-feira a bordo de um potente Trio Elétrico que deve arrastar mais de 1.000 foliões, que de acordo com Fernando, vai parar a Jove Soares, cantando músicas atuais, bem como, os sambas antológicos das Escolas de Samba Perdição, Pães, Zulus e Unidos da Ponte. Os Abadás podem ser encontrados na Rosvan Joias ou em uma das lojas Maria Maria. Nós da FOLHA vamos estar lá para conferir.
BLOCO VAI QUE COLA A ideia de criar um bloco surgiu logo após o carnaval de 2013. A princípio seria um projeto que envolvesse a imprensa local e o primeiro nome escolhido foi “A Imprensa que eu Gamo”. Porém por diversos motivos, a ideia ficou apenas no papel. Em julho de 2016 os amigos Leonardo Alves, o Léo da Rádio Clube e o Wilson Assis, o popular Kisuki, resolveram tirar da gaveta o projeto do novo bloco e a ideia inicial seria formar um bloco tocando músicas tradicionais do gênero Axé como as do Asa de Águia, Chiclete com Banana e Ivete Sangalo. Tudo isto em um Trio Elétrico com uma banda para animar os foliões. O nome surgiu de uma conversa entre o Léo e o Kisuki quando um virou para o outro e disse: vamos montar logo este bloco cara! Vai que cola, né! Neste momento surgiu mais um bloco para brincar na Jove Soares: o “Vai que Cola”. Como é o primeiro ano de desfile, eles esperam levar no mínimo 800 animados foliões para a avenida, puxados pelo Trio Elétrico. Segundo o Léo, outro diferencial é que o bloco será mais família, onde os pais podem levar os filhos sem se preocupar, pois haverá equipes de segurança e brigadistas. O Bloco desfila no domingo, 26 e na terça-feira, 28. Os Abadás poderão ser encontrados no Açaí Prime na Jove Soares, no Açaí do Padre Eustáquio e na Doce Gula. Nós da FOLHA vamos torcer pelo sucesso do “Vai que Cola”, né!
BLOCO VEM QUE É SHOW
É mais um bloco que vai fazer a sua estreia na Jovem Soares. Tudo começou quando vários componentes das baterias do Tomara que Caia, Conversa Comigo e Ziriguidum resolveram, numa roda de amigos que sempre andaram pelo certo, formar a família “Vem que é Show”. O Mauro, a Gabriela o João Paulo e o Duda, atuais diretores do Bloco, mesmo participando de outras baterias, durante o ano faziam parte de uma ala show que tocava em eventos, casamentos, formaturas e pré-carnavais e faziam o maior sucesso. Quando resolveram formar o bloco, o primeiro nome que veio para ficar foi “Vem Que é Show”, mais um bloco para animar o carnaval. De acordo com o Mauro, presidente do bloco, eles são apaixonados por música e vão levar muita alegria para a Jove Soares, onde devem arrastar mais de 1.000 foliões atrás do Trio Elétrico comandado pelo vocalista Clessinho no domingo, 26 e na terça, 28. Os ensaios da bateria estão sendo realizados às 2ª e 4ª a partir das 19h no estacionamento do Espaço Cultural e os Abadás podem ser adquiridos nas lojas Tibaia Store e na Moda Magia. Nós da FOLHA vamos estar na Avenida para acompanhar de perto o show de vocês.


















Na edição do próximo sábado, 18, estaremos falando dos blocos: Allfaces, Ziriguidum, Deu no que Deu, Sertanejeiros e Tomara que Caia.

 

Colunas recentes de Sérgio Tarefa - Causus