Itaúna, 23 de setembro de 2018

Cadastro

07 de julho de 2018 às 07h00 - Atualizado: 28 de julho de 2018 às 09h09

A voz do povo

Buraco provoca riscos de acidentes - Um buraco na Rua Antônio Martins, no último quarteirão, sentido bairro-centro, tem provocado risco de acidentes, conforme reclamantes que entraram em contato com a redação. Segundo as reclamações, o buraco está no meio da rua, na descida, e quando os motoristas percebem “já estão em cima e têm que desviar de maneira abrupta”, conforme moradores que presenciaram um veículo subindo no passeio e outro tendo de entrar na área do posto de gasolina próximo para não provocar um acidente grave. “O risco que as pessoas que estão no passeio correm é imenso”, alertou uma moradora. Pedem que a Prefeitura mande tapar aquele buraco, “antes que algum acidente grave aconteça no local”, arremataram os reclamantes.

Fila nos Correios é grande por incompetência - Na agência dos Correios, na Jove Soares, diariamente é formada uma imensa fila com as pessoas que têm algum documento a buscar naquele local por motivos variados, dentre eles o fato de não estar em casa quando a correspondência deveria ter sido entregue. Porém, não é distribuída senha para “organizar” a fila, gerando sempre queixas de quem está na fila há algum tempo, além de o tratamento oferecido aos cidadãos não ser dos melhores. Após muito tempo na fila, a pessoa quase que tem de identificar a correspondência que foi buscar dado à má vontade de alguns funcionários. O diretor do jornal esteve no local nesta semana em busca de um documento e teve de insistir para que fosse encontrado o que procurava. Isso acontece com várias pessoas e só tem uma justificativa: incompetência. O cidadão, que paga pelo serviço é tratado como pedinte à beira de um guichê de atendimento por quem não tem preparo e, muitas vezes, boa vontade para fazer o atendimento. Com a palavra a gerência da agência local dos Correios, que precisa melhorar seu atendimento com urgência, pois é paga para isso.

Não tem vacina, mesmo sobrando... - Um leitor da coluna entrou em contato pra reclamar que não tem conseguido acesso à vacina contra a gripe em Itaúna, mesmo com a divulgação nacional de que estão sobrando doses e que em Itaúna foi cumprida a meta estabelecida pelo Ministério da Saúde. Disse que sabe que tem a vacina no Posto de Saúde, mas que nunca consegue se vacinar. “Ou é ponto facultativo, ou o funcionário responsável não está, ou não atendem telefone, ou acabou o estoque e ‘amanhã chega mais’, sempre é uma desculpa”, afirmou. Mas nunca consegue a imunização. E reclama ainda que, quando é atendido, tratam-no como se estivessem fazendo-lhe um favor imenso e não cumprindo com o dever de servir ao público. Pede providências por parte dos chefes do setor. Com a palavra os responsáveis pela área da saúde em Itaúna.

A voz do povo - A voz do povo

Espaço reservado para a comunidade itaunense.

Colunas recentes de A voz do povo - A voz do povo